Tel/Fax: 00 55 (41) 3276-4778

Celular: 00 55 (41) 8403-2009

Skype: 00 55 (41) 3941-5577

MSN: futebolcia@hotmail.com

Curitiba - Paraná - Brasil

 

 

Nossos Profissionais

GRUPO FUTEBOL Cia

FUTBOL Cia PERÚ

Roberto Jasaui Sabat

00 55 1 225-5182

00 51 1 99031-8651

Lima-Peru

Quem Somos       Nossos Serviços                                                  Fale conosco               

Sérgio Soares deixa o Santo André e assume a Ponte Preta

5/12/2008

 

O técnico Sérgio Soares foi apresentado oficialmente pela Ponte Preta, na noite desta quinta-feira. O novo comandante alvinegro afirmou que está pronto para fazer um grande trabalho em 2009 e 2010, tendo em vista que assinou contrato por dois anos.

 

“A Ponte é uma equipe de muita tradição, é um grande time. Vim porque gostei do projeto que me foi passado pelo meu presidente, Sérgio Carnielli, e faremos um grande trabalho. Sou um profissional que quer crescer na carreira e para isso é preciso enfrentar desafios. A Ponte é um grande desafio e estou pronto para ele”, afirmou.

O treinador ressaltou que não  pediu nenhum tempo para se adaptar, no estilo “posso perder alguns jogos antes de acertar”. “Não pedi tempo pra me adaptar: vim para encarar o negócio. Tenho convicção do que faço e sei que iremos fazer um grande trabalho”, afirmou.

 

Soares disse que quer aprofundar seu conhecimento sobre o elenco da Ponte – do qual diz ressaltou alguns nomes -, mas já revelou que irá indicar atletas, inclusive do Santo André. O treinador citou o nome do volante Willians.

“Quero trazer jogador que tenha um perfil de briga,de garra, disposição, porque esse também é o meu perfil e o perfil da Ponte e de sua torcida. Uma torcida vibrante que merece um time assim”, pontuou.

Questionado sobre trazer Marcelinho carioca para a Ponte, o técnico disse que se houver interesse do jogador e da Ponte, o atacante é uma boa opção.

“Mas a Ponte já tem um craque, o Renato, e acho que tanto a experiência quanto a vontade do jogador novo têm lugar em um time. Para mim um elenco nunca está fechado: todo bom atleta cabe em um elenco, tanto os  da base quanto os de fora”, afirmou, acrescentando que pretende trabalhar com um grupo de aproximadamente 30 atletas, sendo quatro ou cinco deles das categorias de base alvinegras. “Sempre há boas revelações e aquele que se qualificar fica no time profissional.”

 

O treinador disse ainda que pretende desenvolver “ muito trabalho e transpiração” na Ponte, e que acredita que a torcida alvinegra é um grande diferencial.

“No Santo André não tínhamos uma torcida tão atuante. Para mim uma torcida assim traz motivação, é preciso essa pressão para se querer conquistar ainda mais. A Ponte é um time de ponta em São Paulo e é isso que quero para minha carreira: quero crescer com a Ponte”, ressaltou o novo técnico, que trouxe consigo o auxiliar Denís e o preparador físico Stélio Metzker.

Palavras do presidente
O presidente Sérgio Carnielli ressaltou que Sérgio Soares veio para ficar. “Queremos que ele desenvolva um trabalho a longo. É claro que se um dia um grande clube vier e tirá-lo de nós ninguém vai impedi-lo de crescer mais, mas esperamos que ele fique os próximos dois anos e desenvolva um trabalho de grande volume e à longo prazo”, afirmou.

Carnielli ressaltou que as decisões sobre o time e o departamento serão tomadas em conjunto com o treinador e que ele terá o aval para indicar atletas.